Estratégias vencedoras para realizar seus sonhos

*Por Bibianna Teodori

Para realizar nossos sonhos, precisamos traçar estratégias, organizar e colocar em prática as ações, não importa por quantas fases teremos que passar.

Você já elaborou seus planos para conseguir o que deseja? Ou não tem ideia de como agir para alcançar seus objetivos? Para te ajudar a descobrir, vamos trabalhar em um exercício com os antônimos das palavras abaixo:
Estrategias

Como você pode observar acima, deixei o espaço em branco na parte da estratégia. O que você colocaria como o contrário de estratégia? Antes de responder, observe qual é a sua atitude mental perante o exercício: “Agora não, mais tarde”; “Agora não, amanhã”; “Vou escrever agora”.

O que não te deixa realizar os próprios sonhos é não fazer as coisas agora!

A seguir, escreva 5 coisas que você pensa que poderiam ser o contrário de estratégia.

Você não conseguiu, fez o exercício todo ou escreveu somente 2 ou 3 itens?

Então, leia aqui o conceito de estratégia, por Su.Tzu, escritor do livro “A Arte da Guerra”, nesta frase: “O exército vitorioso antes pensa na vitória e depois na batalha”. O que significa esta frase? Quer dizer que, se você se prepara, estudando o “campo de batalha”, terá muitas probabilidades de ganhar. É preciso saber onde nasce o sol, pois, assim, não ficará cego. É necessário saber de onde sopra o vento, para não tê-lo contra e onde ficam as pontes, cursos de água, pântanos e os esconderijos.

Portanto, o que você colocaria ao contrário de estratégia?

Por acaso você escreveu “desordem”? “Desordem” é o oposto de “ordem”. O que você escreveu está certo, porque saiu da sua cabeça. Mas, se quer melhorar as suas capacidades e habilidades para realizar seus sonhos, encontrará o oposto de estratégia mais adiante.

É por isso que o exército vitorioso antes quer a vitória e depois a batalha. Não deixa espaço para a improvisação. Antes de cada ação é indispensável colocar uma estratégia que consiga estudar e avaliar as inúmeras variáveis que podem acontecer.

No quadro que coloquei no início do artigo, você encontra organizado – desorganizado. Organizado é quem planeja os seus objetivos, segue as etapas, se programa. Anota e determina as datas que deseja alcançar os resultados. Monitora constantemente suas performances, coloca os dados no Excel e desenha os gráficos para visualizar os progressos.

Citei também no quadro “solução – problema”. Na parte relativa à proatividade, temos a capacidade de achar soluções da parte da reatividade. Somos orientados a ver os problemas e não as soluções. A pessoa proativa é aquela que vê a solução no problema.

Agora pergunto: você colocaria as perguntas na parte da direita ou esquerda do quadro?

a) Lado direito: Você não entendeu nada.

b) Lado esquerdo: Por que você colocou as perguntas no reativo?

As perguntas estão no reativo porque são estratégicas. Deixarão você sempre com a conversação aberta e permitirão esclarecer um determinado assunto antes de tentar compreender o que a outra pessoa quer dizer. Isso auxilia no momento em que você tiver dúvidas sobre o que o outro está dizendo, pois poderá perguntar o que for necessário para ter o quadro completo. Pense no médico, que faz uma série de perguntas para o paciente.

Mas, agora, você pode estar se perguntando o que isso tem a ver com o fato de realizar os seus sonhos.

Você pensa que tem todos os instrumentos para realizar seus sonhos? Não, não, mil vezes não!

As perguntas são o instrumento principal para entender porque as coisas não acontecem como você deseja. Portanto, na parte da proatividade, temos as perguntas e, da parte da reatividade, afirmações prematuras. Não concorda? Então você é perfeito e não precisa continuar com a leitura, pois tem conseguido a maior parte dos seus sonhos. Se sua resposta for “sim, aconteceu muitas vezes”, continue a leitura, pois está em ótima companhia. Repare que ninguém nos ensina como alcançar os objetivos e a realizar nossos sonhos, mas sempre nos dizem: “Mas o que você está pensando?”; “Deixa de lado!”; “Não! Nunca acontecerá isso!”; “E você quer que isto aconteça?”; “Em que você está pensando?”.

Estas são algumas frases negativas ditas por pessoas que, muito provavelmente, não têm realizado os próprios sonhos e não querem que você os realize. O que mais eles disseram quando você compartilhou os seus sonhos? Enumere a seguir.

E você, sabe o que tem de feito? Aquelas eram as pessoas mais próximas a você. Deveriam ter te ajudado e apoiado. Mas, ao invés disso, te falaram: “Digo isto somente pelo seu bem”; “A realidade é dura, quanto antes você entender isso será melhor”; Se falo para você é para que a vida não te surpreenda”.

Como se nunca fôssemos passar por uma desilusão. Mas é claro que temos algumas desilusões. Todos têm e continuaremos a ter. Então, eu pergunto: é melhor ter uma desilusão procurando realizar algo que você deseja verdadeiramente, ou ter uma desilusão se não realizar algo que ama?

Realizar os nossos sonhos depende só de nós mesmos. Se esperarmos pela ação dos outros, vamos continuar no mesmo lugar e nunca nos sentiremos satisfeitos. Mas nada cai do céu. É preciso esforço, estratégias e ações para alcançar o que desejamos. Pense como um vitorioso e mexa-se para alcançar seus objetivos.

* Bibianna Teodori é Executive e Master Coach, idealizadora e fundadora da Positive Transformation Coaching. Autora do livro “Coaching para pais e mães – Saiba como fazer a diferença no desenvolvimento de seus filhos” e coautora de “Coaching na Prática – Como o Coaching pode contribuir em todas as áreas da sua vida”.
Site: www.bibiannateodoricoach.com.br

Sobre Bibianna Teodori

É Executive e Master Coach, idealizadora e fundadora da Positive Transformation Coaching. Autora do livro “Coaching para pais e mães – Saiba como fazer a diferença no desenvolvimento de seus filhos” e coautora de “Coaching na Prática – Como o Coaching pode contribuir em todas as áreas da sua vida”.

Possui larga experiência organizacional e trabalhou por mais de 20 anos como executiva de empresas italianas nas áreas de RH, gestão de mudanças, venda & marketing, unindo competências de liderança e transformação pessoal para aumento de desempenho.

Além da formação na Sociedade Brasileira de Coaching, com certificação pela BCI Behavioral Coaching Institute e pelo ICC International Coaching Council, fez Soul Coaching pela Denise Linn. Tem ainda certificações em Assessments Training (Disc – Motivadores – Axiologia – Valores – Psicologia Positiva), Assessment Traninig (Success Tools), Assessment Training (Universidade Quantum) e especializações em coaching de liderança e aplicado a vendas. É também palestrante internacional.
Site: www.bibiannateodoricoach.com.br

 

Nenhum comentário ainda.

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *